Mondo Bizarre, Mão Morta